1 min de leitura

A Digital House, especializada em ensino profissionalizante em tecnologia e marketing digital, anunciou nesta quarta-feira (13) a fusão com a Rocketseat, escola digital de programação. Com a compra, que custou R$ 150 milhões, as startups configuram agora a maior comunidade de programadores da América Latina. A expectativa é de que ocorra uma ampliação no portifólio de cursos, além de uma aceleração nas estratégias de expansão na formação dos melhores talentos do mercado de tecnologia.  

Em atividade desde 2017, a Rocketseat é uma plataforma de aprendizado contínuo em tecnologia, oferecendo uma experiência de aprendizado colaborativa, assim como a Digital House.

Além da similaridade nas metodologias, ambas empresas têm o propósito de expandir o número de pessoas capacitadas no mercado de tecnologia, especialmente na área de programação. De acordo com levantamento realizado pela Microsoft, o Brasil possui atualmente cerca de 400 mil profissionais de programação e desenvolvimento. Entretanto, a previsão é que exista mais de 6 milhões de oportunidades na área até 2025.

“Estamos muito entusiasmados com essa união, pois conseguiremos ampliar a oferta de conteúdos e produtos em coding, indo ao encontro da alta demanda das empresas que já ultrapassam a marca de 100 (cem) clientes corporativos”, enfatiza Sebastian Mackinlay, cofundador e CEO da Digital House Brasil.

Comentários