4 min de leitura

Você já pensou quanto tempo um professor do Ensino Fundamental tem apenas para repassar as tarefas “para casa” a todos os alunos pela agenda? E quanto trabalho ele tem? Agora, imagina essa realidade para um colégio com cerca de 800 alunos. Onde cada professor precisa digitar, imprimir, recortar e colar os exercícios na agenda de cada um dos alunos… Parece até inviável, não é mesmo? E como podemos revolucionar o Ensino Fundamental para economizar tempo e dinheiro?

Fartos de desprender tanto tempo dos docentes na comunicação das tarefas para as famílias e da ineficiência do uso da agenda de papel para essa atividade, os gestores do Colégio São Carlos, de São Bernardo do Campo (SP), decidiram que era preciso encontrar alguma saída para melhorar esse cenário. E foi assim que chegaram até o ClassApp, em 2017.

Edilson Marinho, coordenador do Colégio, conta que da implementação ao uso rotineiro, não demorou muito para que os pais logo se tornassem mais participativos no dia a dia dos estudantes. Recados que às vezes demoravam mais de um dia para serem retornados às famílias, tendo em vista a alta demanda operacional dos professores, agora são recebidos, visualizados e respondidos de forma ágil e prática. O mesmo vale para os pais que, eventualmente, também não davam um retorno no tempo que a escola precisava para algumas situações.

Mas, com o ClassApp essa realidade mudou. E aqueles estudantes que não estavam lá muito a fim de fazer a lição de casa? Ou os que não achavam necessário mostrar para os pais um bilhete ou uma advertência? Bom, eles começaram a ficar “mais espertos” de que, agora, a família está realmente conectada à escola.

 

Acompanhamento de tarefas

Um diferencial no trabalho realizado pelo Colégio São Carlos está justamente na forma como a equipe da coordenação pedagógica decidiu utilizar o ClassApp junto às turmas do Ensino Fundamental 1: mais do que simplesmente enviar recados, foi estabelecido que todas as tarefas de casa seriam inseridas no aplicativo.

O objetivo era justamente evitar o desencontro de informações entre alunos e escola. Além do tradicional esquecimento voluntário ou não, também sofria com os casos de alunos que diziam não terem entendido como realizar a tarefa. E é neste ponto que o ClassApp vem revolucionando a comunicação da escola: depois que o professor explica em sala a tarefa, ele insere a atividade no aplicativo e o pai já tem noção do que precisa ser feito e para quando aquela tarefa deve ser finalizada.

Para o diretor,  essa estratégia ajudou não apenas a melhorar o desempenho dos alunos, mas também aproximou ainda mais os pais da rotina escolar.

“Hoje, eles sabem das atividades desenvolvidas pelos professores. E essa convivência mais próxima impacta de forma positiva a formação pedagógica da criança, que vê a melhora do seu desempenho como algo legal de ser compartilhado com a família”, diz.

Tecnologia gera novas ações

As mudanças trazidas pelo ClassApp no Colégio São Carlos também se estendem a outros tipos de demandas de comunicação. Um exemplo, dado pelo coordenador, é a agilidade que o aplicativo trouxe na hora de autorizar a saída antecipada de um aluno. Se antes era preciso passar por uma série de pessoas, hoje o recado vai direto para a inspetora responsável, colocando fim a uma série de burocracias.

Outra funcionalidade muito usada pelo Colégio é a enquete. Sempre que é preciso consultar pais e alunos consultar para alinhar expectativas, a instituição lança mão do recurso consultivo.

E o feedback é que o uso do ClassApp tem sido favorável para ambos os interessados na boa formação dos alunos. Enquanto os pais estão mais satisfeitos com a organização da comunicação do colégio, a própria instituição comemora os saldos positivos na economia de tempo e no aperfeiçoamento das relações com seu público.

 

A comunicação como instrumento para engajar pais e alunos é tema do ClassUP – Escolas Exponenciais

Vai perder a oportunidade de aprender mais sobre esse e outros assuntos? O evento será dia 11 de abril, no Expo Center Norte, em São Paulo. Contará com mais de dez horas de programação e reunirá cerca de mil gestores, mantenedores e diretores de escolas particulares de todo país.

 

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS!

Comentários